segunda-feira, 25 de abril de 2016

Bohemia lança rótulos inspirados em Petrópolis

Conheça os novos rótulos da Cervejaria Bohemia

Para levar a paixão por cerveja para cada vez mais consumidores, a Cervejaria Bohemia, nascida a cidade imperial, foi em busca de suas origens e contou com a generosa herança cultural e as belezas naturais de Petrópolis como inspiração para seus novos rótulos. As cervejas - que foram apresentadas no Festival da Cerveja, em Blumenau - são encontradas em garrafas de 300 ml.

Um verdadeiro trabalho de equipe mobilizou todo o time na busca das receitas finais. O processo, como toda atividade que combina arte, conhecimento e paixão, começou com a escolha rigorosa dos ingredientes e terminou com a arte dos rótulos, que ajuda o consumidor a saber mais sobre o que está no copo, passando por muitos testes e análises a fim de garantir que todos os detalhes estivessem contemplados. José Felipe Carneiro, um dos mestres cervejeiros mais premiados do Brasil, também contribui com seu olhar apurado e inovador dando o toque final na criação das cervejas.

Os resultados desse esforço atendem pelos nomes de Bohemia 14 Weiss (weissbier leve e refrescante de inspiração alemã); Bohemia Aura Lager (viena lager com bom equlíbrio entre os maltes e lúpulos nobres) e Bohemia 838 Pale Ale (pale ale aromática e com um amargor suave e persistente, que convida ao próximo gole). Esta última, por sinal, já nasceu premiada: foi escolhida a melhor em sua categoria no Festival Brasileiro da Cerveja, realizado em Blumenau-SC em março deste ano.

Os nomes das cervejas são homenagens a fatos e curiosidades de Petrópolis que nem todo mundo conhece. Inspirada no nascer do Sol da serra fluminense, a Bohemia Aura Lager representa o avermelhado do céu no alvorecer petropolitano. Já a Bohemia 14 Weiss lembra a criação mais famosa de Santos Dumont, o pai da aviação, que costumava passar o verão na cidade. A premiada Bohemia 838 Pale Ale, por sua vez, faz referência à altitude da cidade em relação ao nível do mar: 838 metros.

14 Weiss 
Bohemia 14 Weiss é uma cerveja de trigo, refrescante e leve. Com aroma frutado, que lembrabanana e cravo por conta da sua fermentação, seu paladar tem o equilíbrio perfeito entre o toque adocicado do malte e uma sutil citricidade. Deixa o tradicional estilo alemão com a cara do carioca. Teor alcoólico 4,3% IBU 15.

Aura Lager
Bohemia Aura Lager é uma clássica Vienna Lager com coloração avermelhada. Possui vibrantes notas de malte e suave aroma de lúpulo, perfeita para harmonizar com carnes e legumes grelhados, frango assado, comidas alemãs e queijos curados.Teor alcoólico 5,4% IBU 23.

838 Pale Ale
Bohemia 838 Pale Ale, uma cerveja de amargor presente com aromas intensos de lúpulo, passando por notas cítricas e frutadas até uma sutil nota de malte caramelo. Acompanha comidas condimentadas e apimentadas, carnes grelhadas, frutos do mar e torta de limão como sobremesa.Teor alcoólico 5,4% IBU 41.

Um comentário:

  1. http://rezenhando.wordpress.com/2017/05/23/degustando-a-bohemia-14-weiss/

    A Cervejaria Bohemia apresenta três novos rótulos especiais, que apostam em estilos consagrados de cerveja. Weissbier, Viena Lager e Pale Ale são os estilos das novas cervejas. Comprei a Weiss e a Viena Lager para compartilhar com vocês minha experiência degustando. Até agora eu apenas pude apreciar a 14-Weiss, confiram minhas impressões sobre ela.

    Novamente nos deparamos com uma cerveja de trigo, desta vez a Weis, ou seja, receita alemã sem frescuras ou adicionais de sabor. O trigo em seu estado natural com seus componentes tradicionais: água, lúpulo, leveduras e malte (de trigo).

    Possui 4,3% de teor alcoólico.

    Achei sem um gosto significante, ou melhor marcante. Para mim não tem uma identidade, porque por mais simples que seja a receita, cada cervejaria impõe sua identidade no impacto do sabor, e aqui não consegui encontrar, infelizmente, porque esta ideia da Bohemia em fabricar estes tipos de cervejas para os mais "exigentes" é válida. Uma pena, mas também é uma questão de gosto eu prefiro um sabor mais encorpado.

    Pelo que eu li e também visível no rótulo, é uma homenagem ao 14 Bis de Santos Dumont, e a homenagem é crível, porque é tão leve quanto o avião, só não faz você "plainar" de felicidade.

    Líquido amarelo claro de baixa turbidez. No copo, forma dois dedos de colarinho branco de longa duração.

    O resultado é uma cerveja inofensiva, que privilegia refrescância em detrimento do sabor.

    ResponderExcluir